Os tucanos “venceram” por 3 a 1, neste domingo (28), a disputa nas quatro cidades mineiras onde os eleitores tiveram de participar do segundo turno: Contagem, Uberaba, Juiz de Fora e Montes Claros. Em nenhuma delas houve confronto direto entre PT e PSDB, mas nos quatro municípios o PSDB apoiou candidatos de oposição aos petistas.
 
A vitória, no entanto, leva em conta apenas as disputas regionais. Afinal, na esfera federal todos os vencedores são de partidos que apoiam a presidente Dilma Rousseff.
 
O PSDB comemorou a vitória por ter apoiado os candidatos eleitos em Contagem, Juiz de Fora e Montes Claros. Em Uberaba, os tucanos apoiaram o derrotado.
 
Em Contagem, o PSDB apoiou Carlin Moura (PCdoB), aliado da presidente. O comunista enfrentou Durval Ângelo (PT).
 
Juiz de Fora

A ex-reitora da Universidade Federal de Juiz de Fora Margarida Salomão (PT) perdeu para o deputado estadual Bruno Siqueira (PMDB), apoiado pelos tucanos.
Os tucanos também comemoraram vitória em Montes Claros com a vitória de Ruy Muniz (PRB) sobre Paulo Guedes (PT). A “derrota” tucana no segundo turno foi vista em Uberaba, onde o deputado federal Paulo Piau (PMDB) venceu a briga contra Antônio Lerin (PSB).
 
Hegemonia

Com a definição do segundo turno, as eleições municipais deste ano mostraram que o PSDB foi o partido que mais elegeu prefeitos em Minas Gerais.

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), os tucanos terão 142 prefeituras, o que corresponde a 16,7% do total das administrações municipais no Estado. O PMDB ficou com 119 prefeituras (13,7%). A terceira posição ficou com o Partido dos Trabalhadores (PT) que, a partir do próximo ano, terá 114 prefeituras, 13,4% do total.

Os três partidos mantiveram a mesma ordem conseguida nas eleições passadas. Porém, todos diminuíram o número de prefeitos eleitos.
 
PSDB perdeu mais

Comparando os números aos de 2008, o PSDB perdeu mais. Naquele ano, a legenda elegeu 158 prefeitos, 16 a mais que nesta eleição. Já o PMDB e o PT perderam quatro administrações, caindo de 121 para 119, e de 114 para 110, respectivamente. O PSB elegeu 31 prefeitos.
 
Já o PRB fez 15 prefeituras em Minas Gerais. A mais importante delas em Montes Claros.
 
Leia mais sobre o cenário político de Minas na edição digital do Hoje em Dia