O presidente-executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, anunciou em seu perfil na rede que a partir desta quarta-feira (24) será liberado o Reações - novo botão Curtir, com mais maneiras para o usuário se expressar.

A novidade, que já era testada em sete países desde outubro do ano passado, será liberada gradualmente em todo o mundo, com mais cinco opções, além do tradicional 'curtir'. São elas 'Amei', 'Haha', 'Uau', 'Triste' e 'Grr'.

Para utilizar os novos emojis em forma de botão, os usuários precisam manter pressionado o ícone de 'curtir'. Assim, ao passar o dedo sobre as carinhas, elas começam a interagir, de acordo as emoções a que correspondem. O coração de 'amei' pulsa, enquanto o 'Haha' representa uma gargalhada. A carinha 'triste' olha cabisbaixo e chora, o 'wow' se movimenta demonstrando surpresa e o 'grr' balança a cabeça, em desaprovação.

Em seu post, Zuckerberg justificou a nova opção como uma necessidade de compartilhar mais do que apenas o 'curtir'. "Nem sempre você deseja compartilhar está feliz. Às vezes você quer compartilhar algo triste ou frustrante. As pessoas querem expressar empatia e compartilhar uma ampla gama de emoções", disse.

No entanto, a novidade fica limitada a avaliar publicações e não poderão ser usadas em comentários ou conversas no chat do Facebook.

Confira o vídeo do Facebook sobre a novidade:

Introducing Reactions from Facebook on Vimeo.

 

Quatro meses de teste

Em teste desde de outubro do ano passado na Espanha, Irlanda, Chile, Portugal, Filipinas, Japão e Colômbia, a novidade apareceu primeiro com seis e não cinco novas reações.

O sexto emoji, "Yay", foi eliminado pelo Facebook por ter funções parecidas com o 'Haha'.