Chamado para substituir Domingos Montagner na série "Carcereiros" (Globo), Rodrigo Lombardi escreveu um post no Instagram, neste domingo (25), homenageando o ator que morreu durante um intervalo das gravações de "Velho Chico".

No texto, Lombardi afirma que não sente como se fosse uma substituição, mas uma promoção para a vaga destinada ao amigo.

"Essa semana recebi um convite. Melhor, essa semana fui promovido. Melhor, essa semana fui honrado com esse convite: a incumbência de substituir (se é que a palavra se aplica nesse caso) meu amigo 'Mingo' na série 'Carcereiros'", disse o ator na legenda  de uma montagem com a foto dele e de Montagner.

Com diversos trocadilhos circenses - Montagner foi palhaço antes de ir para o teatro e para as novelas -, Lombardi declarou que pretende se esforçar ao máximo no papel.

"Vou me jogar de cabeça, como tento fazer sempre. Mas, dessa vez, prefiro imaginar um salto, um voo, como em um trapézio ou maca russa, ou mesmo qualquer um desses paralelos que traçamos em muitas das nossas conversas. Sem rede, sempre", afirmou.

O ator ainda mandou um recado para Montagner, pedindo para que ele falasse com Umberto Magnani e Elias Gleizer, atores da Globo que também morreram nos últimos anos. "Pede para o Magnani contar a história do 'tú é teu' e para o Gleizer pergunta se ele ainda topa uma queda de braço", completou.

"Carcereiros" é uma série da Globo baseada no livro de mesmo nome de Drauzio Varella. Montagner estava escalado para viver o protagonista da trama.

Leia mais:

TV Globo indenizará família de Domingos Montagner

Morte de Montagner levanta discussão sobre mergulho após alimentação; veja o que pode e não pode

Decisão de manter o final para Montagner em 'Velho Chico' partiu da esposa

Artistas lamentam a morte de Domingos Montagner

Corpo de Domingos Montagner é enterrado em São Paulo

Globo muda destino de Afrânio, que morreria afogado em 'Velho Chico'