Comida e música de primeira para todos os belorizontinos. Neste domingo (23), a Praça do Papa, no bairro Mangabeiras, região Centro-Sul de BH, foi palco do segundo dia do festival Gastronomia na Praça, que reuniu chefs e amantes da boa cozinha. Ao longo do final de semana, passaram pelo local cerca de 33 mil pessoas, de acordo com a organização do evento. O encerramento ficou a cargo da cantora Zélia Duncan, vencedora da edição de 2016 do Prêmio da Música Brasileira. 

Embalada pelo som dos integrantes do Clube da Esquina Telo Borges e Cláudio Venturini, a tarde foi marcada pela premiação do concurso “Você é o Chef”, que selecionou as melhores receitas de cinco finalistas, dentre 306 cozinheiros amadores e estudantes de gastronomia inscritos. 

Vencedor da competição, o estudante de gastronomia Igor José Correa Silva preparou, ao vivo, em frente ao público da praça, um prato inédito para apresentar ao júri. O jovem de 22 anos apostou suas fichas em uma barriga de porco assada com açúcar mascavo, limão em pó e cubinhos de mandioca frita, que o renderam uma bolsa de estudos de 90% no curso de Gastronomia das Faculdades Promove, além de kit de cozinha profissional, dolmã oficial do evento e troféu. 

O futuro chef destaca que a vitória no concurso traz consigo a oportunidade de ser conhecido por cozinheiros mais experientes. “É muito importante a visibilidade que ganhamos em um evento como este, com grandes nomes da gastronomia, chefs, e restaurantes participantes, especialmente porque quero seguir carreira na área”, conta. 

Para o idealizador do evento, Christiano Rocco, o "Você é o Chef" deixou claro que a cozinha de qualidade não está restrita aos restaurantes consagrados e aos programas de televisão. "O concurso mostrou que qualquer pessoa competente pode se tornar um bom chef. Foi um reality show ao vivo, o público ajudou a escolher o melhor, e tivemos um resultado muito bom entre os finalistas. Muitos não sabiam fazer pratos de alta gastronomia e superaram nossas expectativas", ressalta. 

Mini chef

A pequena Maria Carolina Capanema, de seis anos, foi à Praça do Papa pela primeira vez neste domingo. Para ela, hoje também foi dia de estreia na cozinha: Maria montou sanduíches em formato de joaninha, flor, coelho e coração. A atividade é parte da oficina Chef Mirim, que ensinou às crianças o preparo de pratos saudáveis. 

“Nós fazemos os sanduíches em formatos divertidos e as crianças são motivadas a comer alimentos de alto valor nutricional, como alface, tomate e cenoura. Então, elas acham super legal e se alimentam bem!”, explica a chef e coordenadora da atividade, Silvana Ribeiro. 

“O sanduíche com tomate foi o mais gostoso de todos”, conta Maria à sua mãe, Aída Valadão. As duas foram à praça para aproveitar o final de semana. Encantadas com a aula de culinária, Maria e sua mãe gostaram também de conhecer o espaço. 

“O evento está muito gostoso e a praça é linda. É uma oportunidade que temos de interagir mais com a cidade em que moramos. Esses momentos são raros porque estamos sempre trabalhando e estudando nos dias de semana, então, sábado e domingo é o tempo que temos para curtir Belo Horizonte”, diz Aída.