Depois de abordar a alegria e a raiva, a série “Humores”, da editora SM, fala agora sobre uma coisa que todo mundo já sentiu: nojo. Os personagens do livro escrito pela psicóloga Carolina Michelini e ilustrado por Michele Iacocca têm uma lista enorme de coisas que lhes causam arrepios.

Mas ao longo da conversa franca e divertida, eles acabam se fazendo algumas perguntas para entender melhor o motivo de torcermos o nariz para determinadas coisas e/ou situações. 

Por que fazemos algumas coisas naturalmente (afinal, todo mundo solta pum, arrota, tira meleca, vai ao banheiro...), mas se incomoda quando essas mesmas coisas vêm do outro? Por que temos aversão a alguns insetos e/ou animais e adotamos outros como alimentos ou bichos de estimação?

Será que é porque cada um tem seus próprios gostos, cada povo tem seus costumes, e a gente acha estranho porque eles são diferentes dos nossos? Ou será porque o nojo faz a gente evitar coisas, lugares e animais que podem nos causar doenças?

Após refletirem sobre o assunto, os garotos espertos concluem que o nojo pode nos proteger de coisas ruins e perigosas, mas também nos impedir de experimentar e apreciar coisas novas.

Serviço: “Nojo” – Editora SM, 24 páginas, R$ 37