“Já pensou quantas oportunidades a decisão de cuidar de uma criança nos traz”? É com essa pergunta que a escritora e jornalista mineira Mônica Calderano convida para a leitura de “Aequilibrosa – histórias de uma mãe em construção” (Giostri Editora, 2017, 96 páginas), livro que ela lança em bate-papo neste domingo em Belo Horizonte, com apoio do movimento Na Pracinha.


“Oportunidade de nos reconstruir, de reviver emoções grandiosas, de experimentar outras tantas que a gente ainda nem conhecia, de redimensionar nossos limites, de revisar as nossas certezas, de contribuir efetivamente para construir um mundo melhor, enfim… Muitas oportunidades”, exemplifica a autora, dando o tom das 45 crônicas reunidas no livro. 


O material foi originalmente publicado no site Equilibrosa (www.equilibrosa.com), criado por ela em 2015, pouco depois do nascimento do segundo filho. Os textos partem da experiência da escritora e abordam as expectativas, os desafios, os desejos, os medos, as surpresas e as alegrias do dia a dia não só das mães, mas de todos os que cuidam de crianças. “Temos quase sempre, em torno de uma criança, não só os pais, mas avós, tios, professores. Uma comunidade inteira que participa ativamente do seu desenvolvimento e que precisa ser envolvida nessas questões também”, defende. 


Longe da ideia do manual, as histórias são apresentadas em linguagem coloquial, repleta de oralidade, em textos curtos, de fácil leitura e delicadamente envolventes. A seleção foi feita pela própria autora, com base na repercussão do trabalho na internet. 


“É sempre muito forte a certeza de que as pessoas querem e precisam trocar experiências, e que isso nos ajuda a vencer desafios, a caminhar com mais segurança. Com a maternidade não é diferente”.

Na Pracinha
É na troca de ideias que a autora aposta também para o lançamento da obra neste domingo, em um encontro com Flávia Pellegrini, uma das idealizadoras do movimento Na Pracinha, que incentiva a prática do brincar na capital.


“Vamos apresentar o livro e convidar o público para uma conversa sobre alguns dos temas que estão ali tratados e que fazem parte do nosso dia a dia”. A entrada é franca, e o evento acontece a partir das 9h no Espaço Corre Cutia (rua Eduardo Porto, 280, Cidade Jardim). O livro estará à venda no local e já pode ser encontrado também em livrarias de todo o país.