O cantor e compositor mineiro Sérgio Oliveira lança, nesta quinta (11), no Teatro Bradesco, seu disco de estreia, “Sinestesia”. A apresentação tem participação de duas cantoras expressivas da cena contemporânea: as paulistanas Tiê e Mônica Salmaso. No show, Oliveira vai executar as 10 faixas do álbum, além de uma inédita e de releituras. 

“‘Sinestesia’ é um disco bem diverso. A minha veia é a música popular brasileira, mas experimento os ritmos. Tem tango, bossa, samba”, conta Oliveira. “Comecei a compor as músicas há 10 anos, numa pegada de colocar para fora o que eu ouvia em cada época. Ou seja, a sinestesia se dá nessa relação de diversidade entre os ritmos”, diz. 

O artista afirma que as cantoras foram escolhidas em parceria com o produtor do show, Pedrinho Alves Madeira. “Juntos, chegamos a nomes que comungam com o meu trabalho. Não conheço nenhuma das duas presencialmente, vai ser muito emocionante”, afirma Oliveira. 

“A Mônica vai cantar sozinha ‘O Grão’, de minha autoria. E, juntos, cantaremos ‘Só Negro’, do Caetano. Já a Tiê cantará ‘Sinestesia’ e, em dueto, faremos ‘A Noite’, o grande sucesso dela”, adianta o artista.

Serviço: Show de Sérgio Oliveira, com participações de Mônica Salmaso e Tiê. Dia 11/5, quinta-feira, às 21h, no Teatro Bradesco (rua da Bahia, 2.244, Lourdes). Ingressos: R$ 40 e R$ 20 (meia)