O Café com Letras realiza nesta quarta-feira (27) mais uma edição do projeto Arte no Trio, projeto nascido em 2015 com o objetivo de promover shows com uma formação tipicamente comum no cenário jazzístico: piano, bateria e baixo. Na última edição de 2017, a iniciativa recebe o Marzano Trio, capitaneado pelo veterano cantor e pianista Marco Antonio Marzano.

Ao lado de Marzano, estão os instrumentistas Flávio Paulino (bateria) e Pascal Donnart (baixo), que compõem a atual formação do trio, surgido há mais três décadas. “O Marzano Trio começou mais ou menos nos anos 1980. A ideia do nome foi dada pelo Pacífico Mascarenhas, grande compositor mineiro”, afirma Marzano, lembrando que a formação do grupo mudou bastante ao longo dos últimos anos.

“Estou tocando com o Flávio já há uns dez anos. E no baixo teremos, pela primeira vez, a presença do Pascal Donnart. Ele é um francês que está morando em Belo Horizonte há quatro anos. Estudou baixo em Lyon, sua cidade-natal, e fez parte de grupos de jazz e bossa nova, que é justamente a nossa ‘praia’”, explica Marzano.

No repertório, nomes de grande relevo da nossa música, como Tom Jobim e Roberto Menescal, se misturam à mestres como Miles Davis, Thelonious Monk e George Gershwin – sem contar as músicas de Dick Farney, compositor cuja obra Marzano se dedica há anos. “Foi um grande pianista e cantor, que influenciou toda a turma da bossa nova”, afirma. “É um bom momento para o público mais ‘coroa’ relembrar esse repertório”, brinca.

Serviço: Arte no Trio com Marzano Trio. Quarta-feira (27), às 19h45, no Café com Letras Liberdade, no pátio do CCBB-BH (Praça da Liberdade, 450, Funcionários). O couvert é de R$ 12,50.