O América busca o segundo triunfo no Campeonato Brasileiro, hoje, às 20h, contra o Vitória, no Independência, em um jogo mais que especial para o clube e para o técnico Enderson Moreira. O Coelho comemora, nesta data, seu 106º aniversário, e o comandante americano celebra seu 100º jogo à frente da equipe. 

Para a festa do clube, a diretoria dará presentes aos torcedores: das 18h30 às 19h30, eles terão cerveja liberada nos bares do Independência (carga limitada a 4 mil latas) e ainda vão receber, de uma das patrocinadoras do clube, um copo exclusivo do aniversário. Também estão programados show pirotécnico, apresentação ao vivo da banda Vai Sambaska e ações no gramado. Os portões do estádio serão abertos às 18h.

Depois da derrota para o Flamengo, por 2 a 0, na segunda rodada do Brasileiro, o Coelho treinou firme durante toda a semana passada para enfrentar o Leão. Ontem, quando atletas e comissão técnica deram início à concentração, as atividades foram iniciadas com vídeos de jogos do Vitória e do próprio América. Em campo, os goleiros fizeram treinamento à parte com os preparadores Ailton da Hora e Silvio Jardim. Enquanto isso, os demais componentes do grupo fizeram exercícios físicos e com bola.

Em seguida, houve o tradicional rachão com todo o grupo e, pouco depois, o técnico Enderson Moreira trabalhou jogadas de bola parada. As ausências no treinamento foram o zagueiro Lima, com uma lesão na cartilagem do joelho direito - ele deve passar por cirurgia nesta semana, ainda sem previsão de retorno aos trabalhos com bola -, e o goleiro Fernando Leal, que se recupera de uma virose.

América-MG e Vitória duelaram seis vezes na Série A do Brasileiro, com quatro triunfos dos baianos e dois empates. Os mineiros marcaram cinco gols, enquanto os rubro-negros balançaram as redes em nove oportunidades. Os encontros na elite nacional aconteceram em 1972, 1998, 2000, 2001 e 2016. 

América
Jori; Norberto, Rafael Lima, Messias e Carlinhos; Leandro Donizete, Juninho, Serginho, Marquinhos e Aylon; Judivan. Técnico: 
Enderson Moreira.

Vitória
Caíque; José Welison, Kanu, Ramon, Pedro Botelho; Uillian Correia, Willian Farias, Yago, Rhayner, Neilton, Denilson. Técnico: 
Vagner Mancini.

HORÁRIO: 20H 
LOCAL: ESTÁDIO INDEPENDÊNCIA, EM BELO HORIZONTE. 
ARBITRAGEM: Vinicius Furlan (SP), auxiliado por Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP).