A defensora Rafa e a meia Thaisa vão reforçar o América na segunda fase do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino.

Ao lado das outras 18 atletas da Seleção Permanente da CBF, as duas jogadoras participaram do "draft" realizado pela entidade na noite desta sexta-feira (25), no Rio de Janeiro.

O sorteio foi realizado pela primeira vez, com o objetivo de reforçar oito as equipes classificadas para a próxima fase da competição e, assim, aumentar o equilíbrio da disputa.

Cada clube pôde escolher dois reforços nas primeiras rodadas do draft. Depois, também por sorteio, quatro agremiações puderam escolher uma terceira jogadora.

O Brasileiro Feminino está sendo disputado por 20 equipes, divididas em quatro grupos de cinco, com os dois primeiros de cada um se garantindo na segunda fase.

Os oito classificados serão divididos em dois grupos, que serão disputados em turno e returno, com os dois primeiros avançando às semifinais. A final será realizada em dois jogos, previstos para os dias 8 e 15 de novembro.

Como muitas jogadoras não possuíam clubes no Brasil nem no exterior, a CBF criou uma Seleção Feminina Permanente no ano passado, com a intenção de fortalecer a preparação para o Mundial, que foi disputado neste ano, e também para os Jogos Olímpicos do Rio, em 2016. As jogadoras têm contrato diretamente com a confederação.

Veja os novos reforços de cada time:

América: Rafaelle (zagueira/lateral) e Thaisa (meia)

Rio Preto: Darlene (atacante) e Luciana (goleira)

Santos: Gabi Zanotti (meia) e Rilany (lateral)

São José: Bia (meia) e Formiga (meia)

Botafogo-PB: Bárbara (goleira), Géssica (zagueira) e Raquel (meia)

Tiradentes: Andressinha (meia), Camila (lateral) e Andreia (goleira)

Adeco: Fabiana (lateral/atacante), Leticia (goleira) e Tayla (zagueira)

Flamengo: Maurine (meia/lateral), Mônica (zagueira) e Rafaela Travalão (atacante)