Uma ilustre visita na tarde deste domingo no estádio Independência. O ex-atacante Guilherme, grande parceiro de Marques no ataque alvinegro no fim dos anos 90 e começo de 2000, acompanha em um dos camarotes a partida do Galo contra o Fluminense, pela 11ª rodada do Brasileirão.

E Guilherme não veio sozinho. Em um dos camarotes do estádio, o ex-atacante tem a companhia do filho João Guilherme, de apenas nove anos. “Ele é melhor do que eu, mais frio e tem mais qualidade que eu tinha”, disse o paizão coruja a respeito do garoto, que joga em uma escolinha do Marília, clube do interior de São Paulo.

Com a camisa do Atlético, Guilherme fez 205 jogos e marcou 139 gols. Pelo Campeonato Brasileiro de 1999 o atacante marcou 28 gols em 27 jogos e foi o artilheiro da competição, alcançando o posto de maior artilheiro do torneio naquela época.

Guilherme veio a Belo Horizonte para cumprir agenda particular. O ex-jogador também foi o entrevistado do "Resenha de Boleiro", um quadro de entrevistas veiculado pela Rádio Itatiaia dentro do programa dominical "Bola Premiada".