Com uma campanha maculada pelos tropeços no estádio Independência, o Atlético se mantém na briga pelo G-6 do Campeonato Brasileiro graças ao bom desempenho fora de casa. Vindo de derrota por 1 a 0 para o Santos no Horto, o Galo tentará compensar os pontos perdidos neste domingo (16), a partir das 16h, no campo do xará goianiense.

Se, por um lado, aparece como um dos piores mandantes da competição, o time mineiro tem a quinta melhor campanha como visitante, algo pouco comum para o clube. Até o momento, são duas vitórias, três empates e apenas uma derrota nos domínios dos adversários (aproveitamento de 50%).

Caso consiga manter o rendimento longe da torcida, a equipe do técnico Roger Machado poderá, inclusive, superar a melhor marca do clube na Série A por pontos corridos, disputada desde 2003 (veja a tabela abaixo).

A melhor temporada do Atlético na condição de visitante foi a registrada na campanha do vice-campeonato de 2015, com aproveitamento de 49,1%. Na ocasião, o time alvinegro foi segundo melhor nesse quesito, também atrás do campeão Corinthians.

Já o pior rendimento fora de casa (21%) aconteceu na edição de 2011, ano no qual só conseguiu escapar do risco de rebaixamento na penúltima rodada.

Desfalque

Além dos jogadores já entregues ao Departamento Médico, como o zagueiro Leonardo Silva, o único novo desfalque será o lateral-esquerdo Fábio Santos, suspenso. Ele será substituído pelo jovem Leonan, titular na vitória por 1 a 0 sobre a Chapecoense, na Arena Condá, pela 10ª rodada.

Leia mais:
Da busca por recorde a marca negativa: Atlético vive montanha-russa no Independência em 2017
Robinho pode ser reserva do Atlético em dois jogos seguidos, algo que só aconteceu uma vez