Pela segunda vez no Campeonato Brasileiro 2017, o Atlético venceu duas partidas seguidas. E tal feito deu o mesmo resultado ao Galo: a oitava colocação. O alvinegro, ao venceu Atlético-PR e São Paulo, voltou à colocação máxima atingida na competição do ano corrente.

Agora, para o duelo diante do Sport Recife no domingo, às 17h, o Atlético a chance de entrar pela primeira vez na zona de classificação à Libertadores. Com o Cruzeiro campeão da Copa do Brasil, o atual G6 vira G7, e uma combinação de resultados pode colocar o Galo em 7º. Isso tudo, graças ao empate de 1 a 1 no clássico Fla-Flu no Maracanã.

Para tanto, precisará fazer seu papel e derrotar o Sport, que venceu o Vitória fora de casa nesta rodada. Então, é secar o Flamengo, que visitará a Chapecoense, também às 17h. O rubro-negro tem 40 pontos, três a mais do que o Galo. Porém, se ambos terminarem a rodada em igualdade de pontuação, o Atlético necessariamente assumirá a sétima posição, pois terá uma vitória a mais (11x10).

Oswaldo de Oliveira, assim, terá a chance de fazer a trinca no Brasileirão, manter a oitava colocação ou assumir a última vaga brasileira na Libertadores - mesmo que momentaneamente -, fazendo cumprir - mesmo que momentaneamente - a obrigação citada pelo presidente Daniel Nepomuceno. 

"Primeiro a equipe tem que jogar bem,. Se manifestar dentro do campo de forma favorável, ganhar auto-confiança para isso se transbordar para fora do campo como foi hoje (contra o São Paulo). E então iremos sonhar com outras coisas", disse o treinador, após a vitória diante do Tricolor paulista.