O atacante Robinho fez ontem o “reconhecimento” do estádio onde vai estrear quarta-feira com a camisa do Atlético. De um dos camarotes do Independência, ao lado do filho, ele acompanhou o volante Júnior Urso abrir o placar da goleada de 5 a 1 sobre o Boa Esporte, em seu primeiro jogo pelo Galo.

Eduardo, Luan (2) e Dodô completaram o placar, que colocou o Galo de volta na liderança do Campeonato Mineiro e deixou os torcedores ainda mais inflamados para o duelo contra o Del Valle, na quarta, pela segunda rodada da Copa Libertadores. Sillas descontou, mas não estragou a festa preta e branca no Horto.

De olho no compromisso da Libertadores, o técnico Diego Aguirre escalou um time misto para o duelo contra o Boa e não se arrependeu. Victor, Douglas Santos e Rafael Carioca foram os únicos titulares em campo. O banco de reservas contava com o reforços de Luan e Hyuri, que entraram na etapa final e deixaram o time ainda mais ofensivo.
“Foi uma sensação única. Vou procurar cada vez mais ocupar os espaços vazios do campo para ajudar o time. Foi uma alegria muito grande poder marcar na estreia e ajudar o Galo a ficar na liderança”, comemorou Urso, que, apesar de ser volante, balançou as redes 16 vezes em 72 partidas pelo futebol chinês, de onde veio.

Confira galeria de imagens (Fotos: Lucas Prates/Hoje em Dia)
 

Apesar do susto inicial com uma bola na trave do camisa 1 do Galo, logo aos 12 minutos, a equipe de Varginha não ofereceu praticamente nenhuma dificuldade aos donos da casa. Refeitos deste lance, os comandados de Diego Aguirre assumiram o controle do jogo, dispostos a mostrar ao treinador que têm condições de ser aproveitados não apenas em compromissos de menor importância.

Carlos César deu passe perfeito, mas Dodô não aproveitou no início do confronto. O lance levantou os atleticanos, que minutos depois incendiaram as arquibancadas para comemorar o primeiro gol de Júnior Urso pelo Galo. Com o placar aberto, o time não teve dificuldade para assegurar os três pontos e golear o Boa, que ocupa a penúltima colocação.