O Brasil vai encerrar o ano de 2017 sem um representante no Top 100 do ranking masculino de tênis. Será a primeira vez que isso acontece desde 2013, temporada em que Thomaz Bellucci e Rogério Dutra Silva ficaram fora até do Top 120. Desta vez, a dupla e Thiago Monteiro ficaram de fora da lista dos 100 primeiros colocados.

A esperança era Rogerinho, que vem sendo o número 1 do Brasil nos últimos meses. Ele disputou o Challenger do Rio de Janeiro, na semana passada, mas acabou sendo eliminado nas quartas de final. A derrota nesta fase do torneio o fez cair uma posição no ranking, para o 102º lugar.

Sem entrar em quadra desde agosto, Bellucci sustentou a 113ª colocação. Monteiro, por sua vez, subiu quatro posições e alcançou o 124º posto, graças a boa campanha no Rio de Janeiro. Ele parou nas semifinais.

As quedas seguidas dos brasileiros no ranking preocupa porque eles podem perder a vaga direta na chave principal do Aberto da Austrália, o primeiro Grand Slam de 2018, em janeiro. Via de regra, somente os 105 primeiros colocados conseguem o lugar direto. Quem ficar de fora, terá que disputar o qualifying.

Assim, neste momento, somente Rogerinho estaria garantido. A organização da competição australiana deve anunciar nos próximos dias os tenistas que entrarão direto na chave, sem necessidade de passar pelo qualifying.

No ranking atualizado nesta segunda, não houve mudanças no Top 50. A maior parte dos tenistas já está de férias ou até mesmo em clima de pré-temporada, visando o ano de 2018. O espanhol Rafael Nadal segue na ponta, seguido do suíço Roger Federer e do búlgaro Grigor Dimitrov. O alemão Alexander Zverev e o austríaco Dominic Thiem completam a lista dos cinco primeiros.

A disputa da final da Copa Davis, no fim de semana, não alterou o ranking. O confronto entre França e Bélgica encerrou oficialmente a temporada. Jogando em casa, os franceses levaram a melhor e faturaram a 10ª taça na história do tênis da França.


Confira a lista dos 20 primeiros colocados do ranking:

1º - Rafael Nadal (ESP), 10.645 pontos
2º - Roger Federer (SUI), 9.605
3º - Grigor Dimitrov (BUL), 5.150
4º - Alexander Zverev (ALE), 4.610
5º - Dominic Thiem (AUT), 4.015
6º - Marin Cilic (CRO), 3.805
7º - David Goffin (BEL), 3.775
8º - Jack Sock (EUA), 3.165
9º - Stan Wawrinka (SUI), 3.150
10º - Pablo Carreño Busta (ESP), 2.615
11º - Juan Martín del Potro (ARG), 2.595
12º - Novak Djokovic (SER), 2.585
13º - Sam Querrey (EUA), 2.535
14º - Kevin Anderson (AFS), 2.480
15º - Jo-Wilfried Tsonga (FRA), 2.320
16º - Andy Murray (ESC), 2.290
17º - John Isner (EUA), 2.265
18º - Lucas Pouille (FRA), 2.235
19º - Tomas Berdych (RCH), 2.095
20º - Roberto Bautista Agut (ESP), 2.015
102º - Rogério Dutra Silva (BRA), 571
113º - Thomaz Bellucci (BRA), 531
124º - Thiago Monteiro (BRA), 475