A crise não tem fim no Parma. Em sérias dificuldades financeiras, o time também enfrenta problemas dentro de campo. Nesta segunda-feira (22), o capitão Alessandro Lucarelli foi suspenso por três jogos por ter insultado o árbitro da partida contra o Torino, domingo, em rodada do Campeonato Italiano.

A baixa preocupa a torcida porque o experiente zagueiro é um dos principais líderes da equipe dentro e fora de campo. Crítico da atual gestão do clube, Lucarelli assumiu a dianteira do grupo ao se recusar a entrar em campo em protesto contra o presidente Giampietro Manenti.

Novo proprietário do clube, Manenti foi preso sob acusação de lavagem de dinheiro e fraude. A má administração do presidente seria uma das causas das dificuldades financeiras do Parma, declarado falido por uma corte italiana recentemente por causa de dívidas que superam 200 milhões de euros.

Em razão das dívidas, os jogadores vêm convivendo com seguidos atrasos nos pagamentos, o que têm gerado constantes atritos no clube. As dívidas também causaram punições ao time na tabela do Italiano. Após duas punições, com perda na pontuação, o Parma tem apenas nove pontos, na última colocação, e já está matematicamente rebaixado para a segunda divisão.