O América abriu a sexta rodada do Campeonato Mineiro com vitória tranquila sobre o Uberlândia, por 3 a 0, no Parque do Sabiá, na noite desta quinta-feira (8).

Com o resultado, o Coelho chega aos 13 pontos na tabela e joga a pressão para o líder Cruzeiro, que tem a mesma pontuação e vai a campo nesta sexta-feira (9), às 21h30, contra o Democrata, em Governador Valadares.

Primeiro tempo

O América foi a campo com quatro novidades no time titular. No gol, Glauco substituiu o lesionado João Ricardo. Na linha, por opção do técnico Enderson Moreira, começaram jogando David, Aderlan e Serginho, nos lugares do volante Matheus Sales, do meia Renan Oliveira e do atacante Luan, respectivamente.

As mudanças deram resultado muito antes do esperado. Logo aos 50 segundos de bola rolando, Serginho acionou Aderlan na ponta direita e o camisa 7 cruzou para Aylon desviar, meio de canela, para a rede do goleiro Felipe.

Foi o terceiro gol do atacante no Estadual. Ele é agora o vice-artilheiro isolado da competição, só atrás de Rafinha (Cruzeiro), com um a mais.

O Periquito nem havia assimilado o golpe quando o Coelho aumentou a vantagem, ainda aos 7 minutos de jogo. Após lançamento para a área, Norberto dominou a sobra e tocou para Giovanni girar bonito e chutar forte de perna esquerda.

O time da casa começou a equilibrar o confronto e quase descontou, aos 19 minutos, em saída desastrada do goleiro Glauco. Ele tentou afastar a bola pelo alto, mas ela bateu na cabeça do zagueiro Messias e voltou contra a própria meta, passando com perigo à esquerda da trave.

A reação, porém, parou por aí. A equipe da capital voltou a dominar as ações na parte final, e o Uberlândia desceu para os vestiários sob vaias da torcida.

Segundo tempo

A receita da etapa inicial quase funcionou novamente após a volta do intervalo. Logo no primeiro minuto, a bola sobrou para Rafael Lima em cobrança de escanteio e o zagueiro chutou forte, rente à trave direita de Felipe.

Com um time mais ofensivo após as entradas de Eliomar e Saulo, o Uberlândia acabou ficando mais aberto. E não apenas continuou pouco eficiente no setor ofensivo como, para piorar, ainda sofreu o terceiro gol.

Aos 14 minutos, Aylon cruzou para a área e Serginho escorou de peito, com categoria, para Rafael Moura fuzilar de pé direito e marcar o primeiro gol dele em cinco partidas desde a chegada ao Coelho.

O América continuou mais perto de balançar a rede do que de ser vazado. E sobrou para o técnico Paulo Cezar Catanoce, vaiado e chamado de “burro” insistentemente pelos torcedores, principalmente ao promover a entrada de Leandro Santos na vaga de Jarlan.

Com o resultado, o Verdão do Triângulo fica estacionado na oitava colocação, com seis pontos. 

FICHA DO JOGO

UBERLÂNDIA X AMÉRICA

UBERLÂNDIA – Felipe; Cesinha, Ferron, Bruno Costa e Rafael Estevam; João Paulo, Daniel Pereira (Eliomar), Alê e Ricardinho (Saulo); Jarlan (Leandro Santos) e Alfredo. Técnico: Paulo Cezar Catanoce

AMÉRICA – Glauco; Norberto, Messias, Rafael Lima e Giovanni; David (Gerson Magrão), Zé Ricardo, Serginho (Capixaba) e Aderlan (Renan Oliveira); Aylon e Rafael Moura. Técnico: Enderson Moreira

GOLS – Aylon, aos 50 segundos, e Giovanni, aos 7 minutos do primeiro tempo

CARTÕES AMARELOS – Bruno Costa, João Paulo e Eliomar; Zé Ricardo e Capixaba

ARBITRAGEM – Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira, auxiliado por Marconi Helbert Vieira e Helen Aparecida Gonçalves Silva Araújo

LOCAL – Parque do Sabiá, em Uberlândia

PÚBLICO E RENDA – Não divulgados