O técnico do Cruzeiro Mano Menezes afirma que o momento para o Cruzeiro no Campeonato Brasileiro é bom e que o time não pode deixar o torneio em segundo plano, mesmo que esteja na final da Copa do Brasil e a partida contra o Flamengo seja a prioridade do time, no momento. As declarações foram feitas após a vitória por 2 a 1 sobre a Chapecoense, na noite deste domingo (10) na Arena Condá, em Santa Catarina.

"A competição está boa para a gente. Estamos no G6, mas é hora de não relaxar. O fato de estarmos na final da Copa do Brasil não pode fazer com que o Campeonato Brasileiro fique em segundo plano", afirmou o técnico da equipe celeste.

Sobre a partida de hoje, o treinador reconheceu que o time encontrou equilíbrio durante o jogo. "Iniciamos com dificuldade, depois ajustamos o meio campo e fizemos um jogo que estabeleceu a justiça com a (nossa) vitória. Mesmo com o Fábio fazendo grandes defesas, o goleiro deles também as fez. É difícil vencer aqui e a gente conseguiu", afirmou.

Ainda sobre a postura dos times do Sul do país, Mano disse lembrou que os jogos na região são brigados. "Se a gente se descuidar aqui, depois, quando começar a procurar o jogo de novo, não acha mais", disse.

Poupados
Quanto à decisão de poupar jogadores titulares, como Arrascaeta e Thiago Neves, e de dar rodagem a Raniel no ataque, Mano reconheceu, no entanto, que a prioridade maior do time é partida contra o Flamengo no dia 27. "O jogo mais importante é o da Copa do Brasil. Ele é nossa prioridade. Por isso jogamos com alguns jogadores (e não com outros). Era importante dar ritmo para Raniel. É um jogador que diante da ausência do (Rafael) Sóbis será titular ou vai entrar durante o jogo. Ele ter entrar hoje e fazer o gol é importante. Dá confiança", afirmou.

Após a maratona dos últimos dias, o time do Cruzeiro terá dois dias de descanso no começo desta semana e se reapresenta na quarta-feira, quando começa a preparação para o jogo contra o Bahia. Também pelo Campeonato Brasileiro, a partida acontece no próximo domingo, às 19h, no Mineirão.