A 18ª rodada do Campeonato Brasileiro reserva um reencontro especial na Arena Independência. No domingo (12), quando o relógio marcar 11h, o Atlético terá pela frente o Santos, hoje comandando por Cuca, técnico da inédita Libertadores do time mineiro, conquistada há cinco anos. Mas este não será o primeiro duelo entre eles.

Desde que deixou o alvinegro, em dezembro de 2013, o técnico sentiu o gostinho de enfrentá-lo em quatro oportunidades. Contudo, as lembranças não são tão boas assim. Para se ter ideia, Cuca nunca conseguiu derrotar o Galo.

O primeiro reencontro aconteceu em agosto de 2016, na Allianz Arena, em São Paulo. Técnico do Palmeiras naquela oportunidade, o curitibano viu o time ser derrotado pelo Atlético, por 1 a 0, com gol do volante Leandro Donizete, hoje no América.

No segundo embate, três meses depois, foi a vez se sentir a sensação de encarar de frente a torcida atleticana, no Independência. Com o nome gritado pela “Massa”, o técnico viu que o carinho por ele segue vivo no coração dos atleticanos. O jogo, já no returno do Brasileirão, terminou empatado em 1 a 1 .

No ano seguinte, as equipes se enfrentam em outras duas oportunidades. Na primeira, na casa do alviverde, o placar não saiu do zero. Já na segunda, novamente em Belo Horizonte, o 1 a 1 do ano anterior se repetiu.

Primeira vitória

Além de tentar superar o Atlético pela primeira vez desde a inesquecível conquista da América, Cuca poderá ter um outro desafio em terras mineiras. 

Caso não vença o Ceará amanhã, em jogo antecipado da 20ª rodada, ele chegará no Horto com três partidas sem sentir o gosto da vitória. Até o momento, o Peixe perdeu para o Cruzeiro (Copa do Brasil), por 1 a 0, e empatou sem gols com o Botafogo (Brasileirão). 

153
PARTIDAS

Fez cuca no comando do atlético, de 2011 a 2013.
O treinador acumulou 89 vitórias, 34 empates e outras 39 derrotas.