O Brasil avançou com duas de suas três duplas às oitavas de final da etapa de Lucerna do Circuito Mundial de Vôlei de Praia, um evento três estrelas. Elize Maia/Maria Clara e Josi/Lili garantiram vagas após terminarem na primeira colocação de suas respectivas chaves. Juliana e Andressa, no entanto, foram eliminadas.

Em Lucerna, as 32 duplas participantes do evento feminino estão divididas em oito grupos de quatro. As parcerias que vencem na rodada inicial se enfrentam pela liderança da chave e a vaga direta nas oitavas de final. Foi assim que Elize Maia/Maria Clara e Josi/Lili confirmaram a liderança dos grupos, após triunfarem na estreia na quinta-feira.

Na chave G, Elize Maia e Maria Clara venceram a segunda partida diante das norte-americanas Lane Carico e Lara Dykstra sem maiores dificuldades, por 2 sets a 0, com parciais de 21/18 e 21/13. Nas oitavas, elas vão encarar as australianas Mariafe Artacho e Taliqua Clancy.

"Temos um longo caminho pela frente, estamos só começando como time. É nosso terceiro torneio juntas e a cada jogo nos sentimos um pouco mais preparada, mais capazes de ajudar uma a outra e buscar resultados melhores. Jogamos bem na chave e conseguimos impor um ritmo forte e estar na frente o tempo todo. Foi muito legal, mas queremos muito mais dessa etapa", avaliou Maria Clara.

Josi e Lili também haviam estreado com vitória e confirmaram a vaga nesta sexta ao surpreenderem as australianas Clancy e Artacho, principais favoritas ao título na Suíça, por 2 sets a 1, com parciais de 14/21, 21/19 e 15/13. Nas oitavas, elas pegarão as italianas Marta Menegatti e Laura Giombini.

"As australianas são as primeiras do ranking aqui neste torneio, então sabíamos que seria um jogo duro. Não começamos bem no primeiro set, não jogamos nosso melhor, no segundo set passamos a imprimir nosso ritmo. Parecia outro jogo", disse Lili. "Estamos felizes por essa vitória e por passarmos em primeiro na chave. Agora, vamos nos preparar para a partida das oitavas de final estudando as próximas adversárias."

Quem não teve motivos para comemorar foi a parceria formada por Juliana e Andressa. Depois de vencerem na estreia, elas perderam para as holandesas Joy Stubbe e Marleen Van Iersel por 2 sets a 0, com duplo 21/18. Na repescagem, foram eliminadas pelas norte-americanas Emily Day e Flint por 2 sets a 1, com parciais de 21/18, 16/21 e 15/7.