Reserva imediato de Ricardo Oliveira, ao menos antes da chegada de reforços, e classificado como uma joia das categorias de base, o atacante Alerrandro se vê em novo momento turbulento no clube. Foi punido por ato de indisciplina cometido recentemente no clube, ao lado de outros companheiros.

O jogador seria emprestado ao time sub-20 para alguns jogos. Mas como parte da pena, ficará agora "full time" na equipe júnior do Galo. O ato de indisciplina é admitido pela assessoria pessoal do atleta de 18 anos, que ainda justificou a presença no sub-20 como forma de manter a condição física e ritmo de jogo para o atleta que estaria no primeiro ano desta categoria.

Natural de Lavras-MG, Alerrandro tem apenas oito participações no time principal e já fez um jogo pelo Sub-20 nesta nova "geladeira". Participou como titular da vitória do Galinho contra o Coimbra (2x1) pela primeira rodada do hexagonal do Campeonato Mineiro.

Com fama de goleador na base do Galo, Alerrandro já acumula dois momentos negativos no clube tendo atingido a maioridade em janeiro deste ano. A renovação de contrato com o Atlético foi a duras penas. O staff do  jogador queria uma valorização que não era concordada pela cúpula alvinegra. Alerrandro chegou a ficar de "castigo" no sub-20. O imbróglio durou algum tempo entre março e abril, até haver a assinatura da renovação do vínculo a vencer agora em 2021.