O Cruzeiro fez contra o Democrata-GV na noite desta sexta-feira (9), em Governador Valadares, o jogo mais difícil até aqui na temporada. Quem garante isso, mesmo após fazer 2 a 0 e se consolidar na liderança do Campeonato Mineiro, é o técnico Mano Menezes.

Após a vitória celeste diante da Pantera, o treinador da equipe estrelada valorizou o resultado, exaltou a atuação do goleiro Fábio - que fez grandes defesas em lances que poderiam ter se transformado em gols do adversário -, mas disse que o Cruzeiro poderia ter “resolvido a parada” com mais tranquilidade 

“Sei que foi o jogo mais difícil que jogamos até agora no Campeonato (Mineiro). Fábio fez três grandes defesas, de situação de gol. Um pouco tem a ver com a dificuldade de jogar dentro do nível de qualidade de jogo que estamos acostamos. Aí você erra um pouco mais do que o normal. Criamos bem pelo lado esquerdo, poderíamos fazer uma margem mais segura (placar melhor). Não fizemos, o jogo ficou aberto uma boa parte do segundo tempo, quando o Marcelo Hermes fez o segundo gol, o que deu tranquilidade maior para nós. Temos que passar por jogos assim, é difícil jogar nas condições que jogamos. O Democrata fez um bom jogo e fizemos o que era para fazer para manter a liderança do Campeonato”, explicou.

Após a derrota para o Cruzeiro, o Democrata caiu para a lanterna do Estadual. No entanto, Mano Menezes sabia que o jogo não seria fácil, já que o adversário tem aspirações importantes no torneio. Como, por exemplo, lutar para não cair. 

Foi o jogo mais difícil que a gente jogou. Não é questão de surpresa, o Democrata já cresceu na competição. Isso é inevitável, apesar da tabela não mostrar isso ainda. (Democrata) Fez um bom jogo diante da Patrocinense, fez um bom jogo diante do Cruzeiro. O jogo era jogo de outras características, sexta-feira, pré-carnaval, a cabeça (dos atletas) viaja um pouco. Jogo era motivador para eles, grande oportunidade de daqui a pouco começar a reação na tabela. Jogar contra o Cruzeiro é motivador. Esperávamos o jogo dentro dessas características. Nos preparamos bem e por isso não fomos surpreendidos”, disse.

Apesar de analisar positivamente o comportamento do Cruzeiro em campo mesmo com as adversidades, Mano Menezes sabe que seu time ainda precisa melhorar mais, já que terá pela frente já neste mês de fevereiro compromissos importantes. Principalmente pela Copa Libertadores.

“Agora teremos duas semanas boas com todo mundo à disposição para fazer mais um degrau. Temos que subir mais um degrau competitivamente. Temos uma outra característica de jogos à frente. A equipe vai se firmando, vai ganhando corpo. Fez seis jogos, sofreu apenas um gol, vai ganhando segurança defensiva. Não podemos nos acomodar, temos que aproveitar as vitórias, os resultados positivos para continuar melhorando”, avaliou.