O Atlético teve grandes dificuldades na estreia da Copa Libertadores. Empatou com o Godoy Cruz-ARG em uma apresentação abaixo do esperado. Agora, só volta a campo no dia 13 de abril, em casa, contra o Sport Boys-BOL. Até lá, algo que não mudará é a confiança do elenco em conseguir a primeira vitória na competição.

O lateral-direito Marcos Rocha, após acompanhar outros brasileiros em igual dificuldade na competição (Flamengo foi derrotado e Palmeiras venceu no último segundo), revelou ansiedade para voltar a disputar a edição 2017 do torneio para, também, compensar a atuação nada convincente do Galo em Mendoza, no início deste mês.

"Sabemos que é difícil jogar Libertadores, mas só quando o Atlético não joga bem que a cobrança é muito maior. Mas estamos preparados, temos um grupo experiente para absorver essas críticas, e já estamos ansiosos para a próxima partida, será em casa, com o Independência lotado, será um jogo totalmente diferente, onde teremos grandes chances de conseguir a primeira vitória", afirmou.

O Galo e o Grêmio são os únicos brasileiros da Libertadores que não jogarão nesta semana. Flamengo, Palmeiras, Botafogo, Atlético-PR já atuaram duas vezes. Santos e Chapecoense estarão em ação nesta quinta-feira (16), contra The Strongest e Lanús, respectivamente.