A diretoria do Minas Tênis Clube anunciou na tarde desta sexta-feira (19) a contratação do italiano Stefano Lavarini, de 38 anos, para o comando da equipe feminina de vôlei Camponesa/Minas na temporada 2017/18. A previsão é que ele se apresente em julho, quando serão reiniciados os treinamentos do time.

Desde 2010, Lavarini dirigia o Volley Bergamo. No período, foi campeão da Liga Italiana na temporada 2010/11 e da Copa Itália, em 2015. O treinador também dirigiu as seleções de base do país e foi eleito duas vezes pela federação nacional como melhor técnico italiano (2004 e 2005).

Lavarini começou a carreira apenas aos 16 anos e atuou como auxiliar da treinadora Lang Ping, técnica da seleção chinesa, campeã dos Jogos Olímpicos Rio-2016.

“Na liga italiana, jogadores de nível superior de todo o mundo se enfrentam. A escola italiana reúne as ideias das melhores escolas de voleibol do mundo, e entre elas o vôlei brasileiro, que representa um dos modelos mais importantes”, afirmou o novo treinador do Minas em entrevista ao site do clube.

“A maneira como trabalho é o resultado de uma mistura entre a escola italiana de voleibol e a experiência que ganhei no Campeonato Italiano. Isso me permitirá aproveitar a excelência no vôlei brasileiro. Com meu estilo europeu e mentalidade de gestão tática e organização do trabalho, vou me desafiar em uma das melhores escolas de voleibol do mundo”, finalizou o treinador.

Lavarini chega para substituir Paulo Coco, contratado pelo Dentil/Praia Clube de Uberlândia após duas temporadas à frente do time da capital. Até o momento, o clube da Rua da Bahia contratou a levantadora Macris e renovou com Hooker (oposta), Mara (central), Léia (líbero), Karine (levantadora), Rosamaria, Pri Daroit e Karol Tórmena (ponteiras)

Leia mais:
Minas contrata melhor levantadora das últimas Superligas para ocupar vaga de Naiane