Se a derrota por 92 a 79 para o Brasília, na casa do adversário, era um resultado considerado normal para o estágio atual do Minas no Novo Basquete Brasil (NBB), hoje a história é diferente. Em 12º lugar na classificação e obrigado a ganhar posições para não correr risco de ficar fora das oitavas de final, a equipe recebe nesta terça-feira, às 19h, na Arena JK, o Macaé, apenas o 14º, com duas vitórias em 10 partidas. O jogo ideal para embalar sob a nova direção do técnico Luiz Fernando Leão, que estreou sábado, na capital federal, auxiliado por Flávio Davis. A entrada é franca, mediante entrega de um quilo de alimento não-perecível.

O posicionamento defensivo foi o aspecto trabalhado pela equipe na volta aos treinos. Para o pivô Wesley, o fato de ser um confronto direto torna a partida ainda mais importante. "Estamos perto na tabela e a vitória tem que ser nossa meta. Temos que pegar os rebotes, porque o Macaé também tem um time muito físico", destacou.