A tradicional "Sexta-Feira 13" pegou o Atlético desprevinido. Marcada por ser "o dia do azar", a data reservou ao alvinegro a perda de mais uma peça importante no esquema do técnico Thiago Larghi. Com lesão na panturrilha, o volante Adilson desfalcará a equipe nas primeiras rodadas do retorno do Brasileirão após a Copa do Mundo.

Além dele, outros atletas figuram no departamento médico e estão fora dos planos. Gustavo Blanco, que recentemente operou o joelho, só retorna na próxima temporada; o zagueiro Leonardo Silva, capitão do Galo, também se recupera de lesão no "DM".

Somado às saídas de atletas - Otero, Roger Guedes e, provalmente Cazares -, Larghi deverá colocar em campo um time 'desconhecido' do torcedor. Meio time para ser mais exato.
Na vaga de Silva, entra Juninho; no lugar de Blanco, Elias; para substituir Adilson,  o técnico tem como opções os volantes Galdezani e Zé Welison. Para suceder Otero, Thomás Andrade ou o recém-contratado David Terans.

Vice-líder do Brasileirão, com 23 pontos, o Atlético encara o Grêmio, quarta (18), em Porto Alegre. O duelo contra o quinto colocado está marcado para às 21h45 e vale pela 13ª rodada do campeonato mais importante do país.