Mesmo com a temporada 2018 acontecendo e o Cruzeiro na luta por títulos importantes, a diretoria do clube já “prepara terreno” visando contratações para o ano que vem. E um dos nomes estava na “ponta do gatilho”, inclusive com acordos muito bem encaminhados com a Raposa: o meia Zé Rafael, do Bahia.

Destaque do Tricolor Baiano, Zé Rafael é um dos alvos do Cruzeiro para 2019, inclusive com o clube mineiro acordando pagar ao Bahia com o auxílio de investidores algo em torno de R$ 18 milhões (aproximadamente 4 milhões de euros) pelos direitos do jogador.

Entretanto, uma barreira deve impedir que a negociação se concretize. O Palmeiras, que tem a preferência de negociar o meio-campista junto ao Bahia desde o começo do ano, descobriu a investida celeste e se prepara para adquirir o atleta.

A informação da venda de Zé Rafael ao Palmeiras foi divulgada no site da ESPN Brasil na noite da última quinta, repercutida no blog do jornalista Jorge Nicola, e confirmada pelo Hoje em Dia.

Segundo apurou a reportagem, a decisão por efetuar a compra de Zé Rafael estava tomada no Cruzeiro há meses, porém, guardada “a sete chaves”. Mas, agora com o Palmeiras na jogada e a força da Crefisa, grande investidora no clube paulista, as ações do vice-presidente de futebol estrelado Itair Machado ficam comprometidas.

No começo do ano o Palmeiras fez um acordo para ter a preferência de compra de Zé Rafael. Isso, quando fez um novo empréstimo do meia Allione ao clube de Salvador. O argentino pertencia ao Verdão e esse acordo permitiu que o jogador permanecesse no Bahia.

Acordo Palmeiras e Bahia

Segundo informações do jornalista Jorge Nicola, o Palmeiras já informou ao Bahia que exercerá o direito de compra de Zé Rafael. Os paulistas precisarão igualar ou superar qualquer oferta que seja feita pelo jogador. E o acordo pela preferência de aquisição do meia tem validade de dois anos.

Zé Rafael tem 25 anos e está dentro do perfil de contratações traçado pela diretoria celeste e investidores parceiros. O meia é um dos grandes destaques do Bahia, que detém 70% dos direitos econômicos do jogador. Os outros 30% pertencem ao Coritiba.

Zé Rafael chegou ao Bahia em 2016, mas foi adquirido mesmo pelo Bahia por R$ 550 mil no começo de 2017. Na atual temporada já marcou 11 gols em 45 jogos.

Allione

Por pouco Allione não deixou o time soteropolitano para voltar à Argentina. O jogador havia até se despedido pelas redes sociais, e acertaria com o Racing-ARG, mesmo clube para onde foi o  ex-Cruzeiro e que também estava no Bahia, Eugenio Mena. Mas ele não foi aprovado nos testes médicos e permanecerá no Tricolor.