O italiano Danilo Petrucci fechou na frente o primeiro dia de atividades da etapa de San Marino, a 13ª das 18 previstas para a temporada 2017 da MotoGP. Nesta sexta-feira, o piloto da Pramac Ducati liderou o segundo treino livre, garantindo o melhor tempo das sessões realizadas no circuito de Misano.

O dia foi de muito equilíbrio na preparação para a etapa de San Marino, que não contará com a presença de Valentino Rossi, que se acidentou em um treino de enduro na cidade de Urbino, na Itália. Ele sofreu fraturas na tíbia e na fíbula da perna direita e foi submetido a uma cirurgia.

Sem Rossi, os oito primeiros pilotos nesta sexta-feira em Misano ficaram separados por uma diferença de menos de 0s4, enquanto a distância entre os 15 primeiros foi de menos de 1 segundo. E o melhor deles foi Petrucci, que vem de dois abandonos na MotoGP e cravou o tempo de 1min33s231.

Companheiro de Rossi na Yamaha, que optou por não substituir o italiano neste fim de semana, o espanhol Maverick Viñales ficou em segundo lugar, sendo apenas 0s005 mais lento do que Petrucci com a marca de 1min33s236. Líder do campeonato, o italiano Andrea Dovizioso ficou na terceira posição, a 0s063 de Petrucci, com 1min33s294.

Só aí, então, apareceram os espanhóis da Honda. Dani Pedrosa, que venceu a etapa de San Marino no ano passado e também em 2010, ficou em quarto lugar. Já Marc Márquez fechou a sexta-feira na quinta posição. Ele liderou o primeiro treino livre, mas sofreu uma queda na segunda sessão, o que atrapalhou a sua participação nas atividades.

Mesmo também tendo caído, o britânico Cal Crutchlow, da LCR Honda, foi o sexto mais rápido, à frente de duas motos da Ducati, com o italiano Michelle Pirro em sétimo lugar e o espanhol Jorge Lorenzo na oitava posição. E a relação dos dez primeiros colocados nesta sexta-feira foi completada, em ordem, pelo italiano Andrea Iannone, da Suzuki, e pelo espanhol Tito Rabat, da Marc VDS Honda.

Os pilotos da MotoGP voltam a acelerar no circuito de Misano neste sábado, quando será realizado o treino de classificação a partir das 9h10 (horário de Brasília). A largada para a etapa de San Marino está marcada para as 9 horas do domingo.