Foram três semanas longe dos ginásios para aproveitar as festas de fim de ano e, acima de tudo, recuperar o fôlego depois da primeira metade da fase classificatória da Superliga Nacional de Vôlei. Hoje é hora de retomar a competição feminina, com direito às mineiras do Praia Clube em quadra, para uma partida considerada fundamental.

Às 19h30, a equipe recebe, em Uberlândia, o Renata Valinhos, lanterna do torneio. Vencer por 3 a 0 ou 3 a 1 pode representar, de acordo com os demais resultados da primeira rodada do returno, um salto de duas posições, voltando a encostar no líder Rexona e no vice, Osasco.
Para a central Fabiana, um dos destaques da equipe praiana, o desafio é evitar que se repitam os momentos de desatenção do turno, que custaram alguns pontos preciosos.

“Cometemos alguns erros no ano passado, mas temos que manter o foco no nosso objetivo, que é brigar lá em cima, começando com o pé direito e pensamento positivo. Elas vêm sacando e atacando com tudo, já que não têm tanta responsabilidade, então temos de nos manter atentas e pensar em nosso jogo, ser eficientes em todos os fundamentos”, destacou a bicampeã olímpica.

OBRIGAÇÃO
O técnico Ricardo Picinin sabe bem da importância de um resultado positivo hoje, e espera que a necessidade de somar os três pontos não interfira no desempenho de suas comandadas. “A gente tem que ter uma concentração e um foco muito grande, porque é um jogo em que temos a obrigação de vencer e não podemos deixar com que isso nos atrapalhe. A equipe é experiente, mas a cabeça tem que estar muito tranquila. E ter o coração para correr atrás de todas as bolas, não desperdiçar nenhuma”.

Picinin espera contar com a ponteira norte-americana Alix, recuperada de uma contusão de que a tirou da fase final do turno – ela retornou a seu país e foi acompanhada pelos médicos da seleção no período –, e voltou a trabalhar com bola nessa semana. A ideia é mandá-la à quadra progressivamente, para recuperar o ritmo de jogo.

A CBV divulgou ontem a tabela da Copa Brasil, que será disputada entre os dias 16 e 28, envolvendo as oito melhores no turno da Superliga. O Praia enfrentará o Bauru dia 17, em Marília (SP), mesma data em que o Minas pegará o Terracap Brasília na capital federal. Os vencedores das quatro partidas fazem as semifinais dia 27, em Campinas, mesmo palco da grande decisão, no dia seguinte.