Contratado em janeiro, apresentado em julho, estreia para valer em outubro. A história de Roger Bernardo com o Atlético envolve muita paciência. Mas, enfim, deu o primeiro fruto. O camisa 85 foi praticamente impecável diante do São Paulo na noite desta quarta-feira (11).

Roger Bernardo deixou o gramado do Independência emocionado. Admitiu que a performance foi mesmo de alto nível, depois de ficar mais de 40 dias esquecido no time, sem ser aproveitado por Rogério Micale.

"Estou emocionado, depois de quatro meses poder fazer uma partida dessas contra o São Paulo, fico feliz", afirmou o atleta de 32 anos, que não perdeu a confiança com o tempo no banco de reservas:

"Faz parte do futebol, cada treinador tem sua mentalidade, respeito a todos que passaram aqui. Tive a oportunidade de jogar hoje e agradeço a Deus e aos meus companheiros", completou.

O volante foi destaque nos desarmes e até mesmo no acionamento de jogadas ofensivas. Numa das chances mais claras do Galo no primeiro tempo, foi de Roger Bernardo que Robinho recebeu passe açucarado. O camisa 7, entretanto, chutou fraco.