Sob o sol quente de janeiro e temperatura de 30° em Vespasiano, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, o elenco principal do Atlético inaugurou ontem a preparação para a temporada 2017. E no primeiro dia no comando do time, Roger Machado deixou a sua marca, com mais de duas horas de intenso trabalho. 

“Foi extremamente positivo. O primeiro dia de trabalho foi num nível muito alto. A exigência será sempre no nível que vocês puderam ver dessa atividade”, afirmou o treinador. 

Depois de um mês de férias, 23 jogadores começaram as atividades na tarde de ontem; 20 deles dentro de campo, incluindo as contrações Felipe Santana, Danilo e Rafael Moura. Também estavam presentes atletas que compunham o elenco na temporada passada, como Robinho, Fred, Luan e Lucas Pratto. Três jogadores se apresentaram sob os cuidados do departamento médico: Leonardo Silva, Victor e Yago.

O novo técnico também disse que era um sonho poder trabalhar no Atlético. “É um clube que todo profissional deseja trabalhar. À medida que você se depara com um elenco de outra qualidade, com estrutura de nível de futebol mundial, você se torna automaticamente ansiosos para corresponder à expectativa”, enfatizou Roger.

O Atlético carimbou a classificação à segunda fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior. O Galinho empatou com o Novorizontino em 1 a 1 e terminou em segundo lugar no grupo 4. O adversário na próxima fase será o Botafogo.


Reforços
O presidente do clube, Daniel Nepomuceno, também esteve na Cidade do Galo e elogiou o início do trabalho. “No primeiro treinamento, ele demonstrou profissionalismo. É um ano de grande esperança. Eu até fiquei muito surpreso. Fiquei um mês fora, e chegar aqui e encontrar todo mundo, ou quase todo mundo, foi uma surpresa para mim”, revelou. 

Ele garantiu que irá contratar mais jogadores a série de competições da temporada. “A gente sabe da necessidade de reforçar, principalmente na defesa. Não tem nada oficial. A meta é manter esse elenco, reforçá-lo e acreditar ao máximo na capacidade do Maluf (diretor de futebol) e do Roger”, garantiu.

Sobre a vinda de jogadores, Roger demonstrou não ter pressa, mas garantiu que virão novos volantes para as vagas de Donizete e Júnior Urso. “Não me preocupa porque tenho absoluta certeza que, no tempo adequado, vamos conseguir repor essa peças que nos deixaram. O mercado está aberto”, disse. 

Outra novidade ontem em Vespasiano foi a volta do diretor de futebol, Eduardo Maluf, que ainda se recupera de um câncer.