Foi com emoção, e custou uma invencibilidade de 21 partidas na temporada. Quem esperava que a vantagem de 2 a 0 conseguida no Morumbi proporcionasse um jogo de volta tranquilo para o Cruzeiro no Mineirão, diante do São Paulo, precisou roer as unhas até o apito final.

Mas o fundamental da fria noite desta quarta-feira (19) é que o time celeste, mesmo derrotado por 2 a 1, segue adiante na Copa do Brasil, assim como Vitória, Fluminense, Internacional e Sport.

A Raposa já sabe que terá pela frente um dos oito representantes brasileiros na Copa Libertadores. Pode pintar até o super clássico com o Atlético, contra o qual decidiu a competição em 2014.

O mando dos confrontos será determinado às 15h, também com a ajuda das bolinhas.

Leia mais:

São Paulo vence, derruba invencibilidade azul, mas Cruzeiro avança na Copa do Brasi

Atlético não ameaça, 'emperra' na chuva e perde para o Libertad na Copa Libertadores