Artilheiro do Atlético na temporada, com 20 gols, e uma das referências do time do técnico Roger Machado, o centroavante Fred é um sonho antigo do clube. Quem garante é o ex-presidente Alexandre Kalil, que completa nesta sexta-feira (30) seis meses à frente da Prefeitura de Belo Horizonte.

Em entrevista exclusiva ao Hoje em Dia, na tarde da última quarta-feira (28), em seu gabinete, ele revelou que tentou tirar o atacante do Fluminense por duas vezes. “Tentei o Fred duas vezes. Foi um jogador que tentei trazer para o Atlético, quando ele estava já no Fluminense, mas não consegui. E me frustou por não conseguir. Cheguei a falar com ele pelo telefone uma vez, ele estava concentrado com a Seleção Brasileira. Ele é o maior centroavante do Brasil há anos”, revela Kalil.

Outra tentativa frustrada do dirigente foi não conseguir trazer de volta à Cidade do Galo o técnico Tite, em 2014, quando Cuca deixou o clube para trabalhar na China e o atual treinador da Seleção Brasileira tinha saído do Corinthians.

“O Tite também tentei trazer duas vezes, quando ele saiu do Corinthians e estava sem trabalhar. Mas ele não aceitou”, afirma Alexandre Kalil.

Neste sábado (1), o hojeemdia.com.br publica um Papo em Dia exclusivo com Alexandre Kalil, somente sobre futebol, em que ele fala sobre o momento do Atlético, o trabalho de Roger Machado, do estádio do Galo, da emoção de ver o filho como médico do clube e muito mais.