O torcedor cruzeirense teve um dejà-vú de um feito marcante na história do Cruzeiro: o título da Copa do Brasil, em 2000. E foi pelos pés do meia-atacante Thiago Neves, novamente em um jogo envolvendo o time celeste e o São Paulo, que aquela imagem imortalizada ganhou vida.

No Mineirão, nesta quarta-feira, na partida contra o Tricolor, também válida pelo mata-mata, a Raposa perdia a partida por 1 a 0, quando Arrascaeta sofreu falta na entrada da área. Thiago Neves cobrou, a bola desviou na barreira, enganou o goleiro Renan Ribeiro e o Cruzeiro empatou o jogo.

Apesar de acontecer no gol "da cidade", o lance foi muito semelhante ao que envolveu o título celeste na Copa do Brasil de 2000. Naquela ocasião, no "gol da lagoa", o meia Geovanni cobrou uma falta da entrada da área, a bola bateu na barreira, enganou Rogério Ceni e garantiu ao Cruzeiro o quarto título celeste na Copa do Brasil.

Um lance que não sai da cabeça do torcedor cruzeirense. E que Thiago Neves praticamente reeditou, guardadas proporções.

"A gente está no caminho (do título). Eu vi aquele gol do Geovanni, a bola, acho que passa por baixo da barreira, ou no meio. O importante é que a bola entrou na (cobrança de falta) dele, entrou na minha também. Tem que ser assim, às vezes não sai da forma como a gente quer, mas no desvio a bola entra, como aconteceu hoje. Classificação importantíssima", disse.

Mais adaptado e bem fisicamente, o meia-atacante acredita que ainda tem muito a melhorar. "Estou bem fisicamente, é claro que saio dos jogos cansado, mas diferente do que acontecia no começo. Mas tem alguns posicionamentos que dificultam mais, pelo lado esquerdo, por exemplo, mas o bom é que as jogadas estão saindo da forma que o Mano está pedindo e o time evolui a cada jogo. Isso me ajuda também é eu estou ajudando o time", comentou.

Agora o Cruzeiro vira a chave para o Campeonato Mineiro, quando enfrenta o América, neste domingo, às 18h, também no Mineirão, no jogo de volta das semifinais. Como a partida de ida ficou empatada em 1 a 1, a Raposa joga pelo empate para ir à final.