O Cruzeiro terá que resolver o quanto antes a situação que envolve o pagamento pela contratação de Rafael Sóbis junto ao Tigre-MEX. O Clube mexicano, que cobra na Fifa US$ 2 milhões (cerca de R$ 6,54 milhões), conseguiu no Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) que o clube celeste fosse condenado a pagar o montante, tendo ainda incidência de juros de 5% ao ano sobre o valor cobrado - dentro do que rege o Código Federal Suíço das Obrigações. A informação foi divulgada pelo Globoesporte.com e confirmada pelo Hoje em Dia.

O Cruzeiro, que já foi notificado sobre a decisão, tem 45 dias para entrar com recurso e tentar mudar o cenário atual. O “caminho do processo” ainda demanda vários passos, e sansões mais pesadas só seriam imputadas mais adiante e se o clube mineiro deixar de buscar soluções para o problema.

A imprensa mexicana publicou nos últimos dias que o Tigres-MEX tem interesse na contratação do zagueiro Kunty Caicedo, que pertence ao Cruzeiro. O negócio poderia auxiliar a Raposa na resolução da dívida com o clube da América do Norte.