Na semana em que Ronaldinho Gaúcho confirmou a aposentaria do futebol, a torcida do Atlético fez uma homenagem a um dos mais importantes jogadores da história do clube, antes duelo com o Democrata, pela segunda rodada do Campeonato Mineiro. 

A Galoucura, principal torcida organizada do Galo, exibiu nas cadeiras do Independência, uma bandeira com a famosa foto de R10 com sua mãe, Dona Miguelina, que viveu problemas de saúde em 2012, quando ele chegou ao Atlético.

Quando desembarcou na Cidade do Galo, em 2012, a numeração era fixa, e a camisa 10 era usada por Guilherme. Assim, o meia escolheu o número 49, ano de nascimento da sua mãe. Por isso, na parte de baixo da bandeira está escrito "NOSSO R49". 

Ronaldinho Gaúcho defendeu o Atlético entre 2012 e 2014 e foi campeão da Copa Libertadores e Mineiro, em 2013. E da Recopa Sul-Americana, em 2014. O jogador não disputava uma partida oficial desde 2015, quando defendeu o Fluminense

Com expectativa de casa cheia, o Galo entra em campo às 17h, em busca da primeira vitória na competição. Na estreia, a equipe alvinegra empatou em 0 a 0, com o Boa Esporte, na última quinta-feira (18).