O goleiro Victor não se sentiu só. Foi amparado num dos momentos mais tristes da vida. Após o falecimento do pai, José Bagy, o ídolo do Atlético recebeu mensagens e gestos de solidariedade à dor, por parte da torcida do Atlético. Ao retornar aos treinos do Galo quatro dias depois, o camisa 1 postou no Instagram uma mensagem de agradecimento à Massa

"Palavras não descrevem a gratidão pelas manifestações de carinho, de respeito e de acolhimento demonstradas nesse momento tão difícil. Isso tudo foi uma grande motivação para seguir em frente. Certamente meu amado pai José, ao lado de Deus, ficou muito feliz e agradecido...", escreveu o arqueiro.

Victor postou imagem criada pela torcida do Atlético em homenagem ao pai, José Bagy

Victor desfalcou o Atlético no último jogo da Libertadores, na terça-feira (16), por justamente comparecer ao enterro do pai, no interior de São Paulo. José Bagy faleceu aos 75 anos. O jogador foi liberado pelo clube e substituído por Giovanni na partida contra o Godoy Cruz. Ele estará apto a voltar ao gol alvinegro diante do Fluminense, no domingo, pelo Campeonato Brasileiro. 

Durante a partida contra os argentinos, Victor não compareceu ao Horto, mas foi noticiado que a torcida levou cartazes lhe dando força, uma organizada criou uma bandeira especial para a ocasião. Mas o ápice foi o 'um minuto de silêncio" prestado antes de a bola rolar. À exceção da torcida argentina, todo o estádio realmente abdicou do barulho, algo raro nestas ocasiões, no futebol brasileiro.

O treino do Atlético, além da presença de Victor, ainda teve como novidade o retorno de Alex Silva. Lateral emprestado ao América, o jogador volta ao Galo para ser o substitutio imediato de Marcos Rocha, uma vez que Carlos César fraturou o tornozelo.