Em 13 rodadas, a defesa do Atlético cometeu falta dentro da área em seis oportunidades. Dando maior chance para o adversário marcar, o Galo acabou se safando de metade das chances de levar o gol graças ao goleiro Victor. Diante do Santos, o camisa 1 chegou a 50% de aproveitamento na penalidade máxima.

Victor parou o chute de Kayke no primeiro tempo do jogo da 13ª rodada do Brasileirão. Antes, na rodada passada, já havia parado o atacante Roger do Botafogo. A outra vítima no torneio foi Willian "do Bigode", em Palmeiras 0x0 Atlético na 4ª rodada. 

Por outro lado, se Victor brilhou intensamente no lance que o consagrou em 2013, o Atlético não soube aproveitar os gols evitados pelo goleiro. Nas três defesas de pênalti de Victor, o Galo não alcançou a vitória. Empatou com o Botafogo, igualdade com o Palmeiras e perdeu para o Santos. Curiosamente, diante dos dois alvinegros o Atlético também teve um pênalti a favor e o desperdiçou.

Quem conseguiu vencer o "Santo" do Atlético na marca da cal foi Henrique Dourado, pelo Fluminense; Kieza, pelo Vitória e Diego Souza, pelo Sport. Nas três partidas o Atlético ficou longe da vitória, também.