A saúde bucal do cão pode revelar se o pet possui alguma doença grave. Um simples mau hálito indica se ele está sofrendo de doença periodontal, mal que atinge 80% dos cachorros com mais de 3 anos e pode gerar complicações sérias, como perda de dentes e migração de bactérias para rins, fígado e coração. 

Mas dá para fugir desses problemas evitando o acúmulo de placa bacteriana, que pode evoluir para a formação de tártaro e causar a deterioração dos tecidos que sustentam os dentes, como a gengiva e o osso alveolar. "Os cuidados com a saúde bucal devem começar cedo, incluindo escovação regular, complementada com produtos mastigáveis específicos para saúde bucal e visitas frequentes ao veterinário", explicou o médico-veterinário Marco Leon, especialista em odontologia.

Confira abaixo 7 dicas que podem ajudar:

1 - A pasta dental veterinária tem um sabor agradável para os cães e facilita a escovação, mas seu uso não é obrigatório, pois a fricção da escova já é suficiente para limpar os dentes;

2 - Utilize com delicadeza uma escova dental com cerdas macias para evitar lesões. As escovas para humanos podem ser utilizadas, porém as versões veterinárias têm a vantagem da ergonomia, pois são desenvolvidas conforme a anatomia oral dos cães;

3 - Nunca utilize pasta dental para humanos porque o teor de flúor presente nelas é tóxico para os animais;

4 - O cão deve estar bem acomodado. Carícias e mimos ajudam a deixá-lo receptivo à escovação;

5 - Posicione a escova a um ângulo de 45° em relação à superfície dos dentes para que as cerdas penetrem suavemente no sulco gengival. Utilize movimentos circulares;

6 - Comece pelos dentes posteriores (do fundo), pois os cães aceitam melhor do que se a escovação for iniciada pelos dentes da frente;

7 - Para habituar o animal, comece escovando apenas a face externa de alguns dentes posteriores e aumente a quantidade de dentes a cada sessão. À medida que o cão se acostumar com o hábito, abra a sua boca delicadamente e faça a higiene na superfície interna também.

*Dicas do médico-veterinário Marco Leon, especialista em odontologia e Sócio-Fundador da Associação Brasileira de Odontologia Veterinária - ABOV.