A Polícia Militar realiza, na tarde deste sábado (22), uma operação de prevenção a crimes contra ônibus do transporte coletivo, no bairro Guarani, na região Norte de Belo Horizonte. A medida foi tomada depois de um motorista ser morto durante assalto na noite de sexta-feira (21), no bairro Ribeiro de Abreu, na região Nordeste da capital. Na ocasião, seis assaltantes invandiram o coletivo e anunciaram o assalto. Durante a ação, o motorista, que tinha 33 anos, foi baleado e morreu.

Conforme a PM, durante a ação dessa tarde, um rapaz de 23 anos foi preso dentro de um coletivo que seguia sentido Estação São Gabriel (Nordeste). O homem tem 14 passagens na polícia, sendo 11 por tráfico de drogas, duas por roubo e uma por homicídio e estava foragido. De acordo com os militares, no entanto, o suspeito não tem relação com o crime que resultou na morte do motorista.

Entenda

Na noite de sexta-feira, um ônibus da linha 4155 (Bairro Imperial/Terminal São Gabriel) foi tomado de assalto por seis jovens, quando passava pela MG-020, no bairro Ribeiro de Abreu, na capital. Segundo um dos suspeitos, preso após ação de populares, eles entraram no veículo depois da Estação São Gabriel. De acordo com o relato, porém, o tiro teria acontecido acidentalmente, enquanto os outros cinco suspeitos recolhiam os pertences dos passageiros. 

Três dos seis responsáveis pelo crime foram detidos ainda na noite de sexta-feira por populares: dois adolescentes, de 15 e 17 anos, e o autor do disparo, de 21 anos. Eles haviam fugido a pé e foram encontrados na comunidade Novo Lajedo, próxima ao local do crime.  

Após a morte do motorista, o ônibus, descontrolado, bateu em um barranco e o veículo ficou atravessado na rodovia.

Dentro do coletivo foram encontrados uma arma de fabricação caseira, usada no disparo contra o motorista, e munições calibre 28. 

Os três suspeitos detidos pelos populares foram levados para o Centro Integrado de Atendimento ao Menor Autor de Ato Infracional (Cia). 

Outros três homens permanecem foragidos, conforme a Polícia Militar.