O bebê de cinco meses que asfixiou dentro de uma creche em Poços de Caldas, no Sul de Minas, continua internado na Santa Casa da cidade. O acidente aconteceu no Centro de Educação Infantil Municipal (CEI) Conceição Aparecida Miguel depois que a criança escorregou do próprio carrinho enquanto dormia e ficou com a cabeça presa na grade de proteção. O caso aconteceu na última segunda-feira (9) e o bebê frequentava o local há 15 dias.

De acordo com a prefeitura, as próprias professoras socorreram a criança e a levaram para o Hospital Margarita Morales. Após receber atendimento médico, ela foi transferida para a Santa Casa da cidade, onde segue internada com quadro de saúde estável no Centro de Tratamento Intensivo (CTI).

A Polícia Militar (PM) de Poços de Caldas informou que foi acionada pela Santa Casa. Conforme a corporação, as professoras da creche contaram que a criança chegou na instituição no carrinho e sem o cinto de segurança, e assim permaneceu.

A prefeitura informou que a coordenação do CEI e a equipe da Secretaria Municipal de Educação (SME) estão prestando total apoio à família, e que a pasta encaminhou o caso à Secretaria Municipal de Administração e Gestão de Pessoas para a apuração dos fatos e execução das medidas administrativas cabíveis.

Segundo a Secretaria Educação de Poços de Caldas, a equipe médica aguarda a passagem de 72 horas da ocorrência para realizar uma nova avaliação da criança.