Os casos confirmados de dengue em Belo Horizonte, neste ano, já chegam a 47. Mas esse número ainda pode aumentar, já que existem 1.683 casos notificados pendentes de resultado. Os dados são do Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti (Lira) divulgado nesta sexta-feira (10) pela Secretaria Municipal de Saúde (SMSA).

Para conter o avanço da doença na cidade, a SMSA realizará uma série de ações durante a próxima semana. Uma delas é a instalação de telas impregnadas com inseticidas  na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Venda Nova. De acordo com a secretaria, a ação tem com objetivo reforçar a proteção aos pacientes internados e profissionais de saúde contra o Aedes aegypti

O uso de telas com inseticidas é uma ação que foi iniciada em 2016, quando as residências de gestantes foram priorizadas para receberem o material. Em 2017, a SMSA amplia a instalação, telando unidades hospitalares. Até o momento o Hospital Eduardo de Menezes e o Hospital Infantil João Paulo II (FHEMIG) já receberam as telas. 

Mobilização 

Aproveitando o clima de carnaval, o Mobiliza SUS-BH promoverá no dia 16/02 um bloco que sairá, a partir das 8 horas, do centro de saúde São Geraldo (Av. Itaituba, 318 - São Geraldo). Para animar a população, muita música em ritmo de carnaval, enfocando dicas de prevenção e combate ao Aedes aegypti.

Agendamento Noturno

Na próxima segunda-feira (13), a SMSA retornará com as ações do projeto “Agendamento Noturno”, uma parceria da secretaria e da Defesa Civil no combate ao mosquito da dengue. O objetivo é visitar imóveis que eram encontrados fechados pelos agentes de combate a endemias durante horário comercial. Ao todo, serão 306 imóveis, localizados em 16 quarteirões do bairro Jardim Comerciários, em Venda Nova. 

O trabalho é feito a partir de um mapeamento realizado pelos agentes da Defesa Civil que, das 19h às 21h30, visitam os imóveis cujos proprietários não são encontrados durante o dia, na tentativa de agendar a visita dos agentes de combate a endemias. A listagem com os imóveis a serem visitados é repassado diariamente e esse agendamento pode ser feito entre 7h e 18h, de segunda a sábado. 

Leia mais:
Luta contra o Aedes: ações simples podem ajudar na promoção da saúde e prevenção de epidemias
Prefeitura de Belo Horizonte instala telas contra o Aedes aegypti no Hospital Infantil João Paulo II
Cidades com mais de 2 mil casas terão de fazer busca por 'Aedes'
Secretaria de Estado de Saúde investiga primeira morte por dengue neste ano em Minas