O Inhotim lança nesta quinta-feira (6) um aplicativo para enriquecer e facilitar a experiência do visitante. Com o programa, o usuário poderá obter informações sobre o acervo de arte contemporânea, jardim botânico, serviços e programações do parque. A ferramenta gratuita já está disponível nas lojas virtuais em versões em português e inglês.

Um dos destaques do aplicativo é um mapa que facilitará a orientação dos visitantes. A ferramenta localiza todas as 23 galerias, obras de arte espalhadas pelo parque, destaques botânicos e jardins temáticos. Além disso, os usuários poderão compartilhar suas rotas e obras preferidas nas redes sociais.

Durante o processo de desenvolvimento da ferramenta, várias áreas do Inhotim, incluindo Curadoria, Educativo e Jardim Botânico, trabalharam em conjunto para levantar as informações mais relevantes para disponibilizar ao visitante.

"A criação do aplicativo é um desejo antigo do Inhotim e uma demanda dos próprios visitantes. A fim de complementar a visita ao parque, a ferramenta traz conteúdos exclusivos sobre os acervos, detalhes das obras e informações sobre os artistas", diz o gerente de Marketing e Comunicação do Inhotim, Felipe Paz.

Aberto ao público em 2006, o Inhotim já recebeu mais de 2,7 milhões de visitantes, sendo 400 mil de outros países. Localizado em Brumadinho, Minas Gerais, a 60 quilômetros da capital Belo Horizonte, o Instituto possui um acervo de arte contemporânea com cerca de 1.300 obras.