Uma cobra de mais de um metro de comprimento assustou moradores de um edifício no bairro Gutierrez, região Oeste de Belo Horizonte, na madrugada desta quarta-feira (13). Por volta da 00h30, a moradora de um apartamento no térreo do prédio localizado na rua Almirante Alexandrino, próximo ao Barroca Tênis Clube, percebeu que havia algo semelhante a um cinto no corredor da unidade.

Assim que constatou de que se tratava de uma cobra, ficou observando para ver onde o bicho iria. Como estava com o celular na mão, entrou em contato com a filha, que reside no mesmo condomínio, e a mesma fez o acionamento do Corpo de Bombeiros. "Fiquei em pânico olhando para ela, que também olhava pra mim", relatou a aposentada Maria Geralda D'Urço, de 60 anos.

De acordo com a moradora, os militares chegaram ao local em cerca de 10 minutos. "Eles demoraram a encontrar a cobra. Ela tinha entrado em um cesto que fica na estante de um dos quartos", informou a aposentada que, depois do susto, seguiu para a casa da filha para dormir.

Vizinha de Maria Geralda, a psicóloga Elizabeth Ivo Andrade, de 62 anos, ficou apavorada com a situação.  "Nós nunca vimos nada parecido por aqui. Não fazemos ideia de onde veio a cobra. Agora quero me precaver e colocar telas nas janelas", observa a moradora, que também teme pela saúde dos animais de estimação.

Conforme informações dos bombeiros no local, a cobra não era venenosa.