O Corpo de Bombeiros liberou os desfiles de blocos na rua Sapucai e no viaduto Santa Tereza e, com isso, o bairro Floresta pôde continuar a receber milhares de foliões nesta segunda-feira de Carnaval. Como nos anos anteriores, a Corte Devassa e o Bloco do Torresmo fizeram a festa na rua que possui o belo mirante para o centro da capital.

Telas de proteção foram colocadas no viaduto e em parte da rua Sapucai para oferecer mais segurança às pessoas, especialmente às centenas que deixaram o Baianas Ozadas em direção a outros blocos.

Por volta das 15h30, a Corte Devassa deu início ao desfile, primeiramente com o hino do bloco, depois com uma sequência de marchinhas. 
Cerca de 5 mil foliões seguiam o bloco. O professor Walison Souza, de 31 anos, era um deles. "Venho desde 2014 e não perco de jeito nenhum. É a melhor música e todo mundo capricha na produção", diz o professor, que estava com uma maquiagem que remete à era Moderna - como os integrantes da bateria.
 

Corte Devassa e Bloco do Torresmo fazem a festa no bairro Floresta

Bloco do Torresmo durante trajeto até o viaduto Santa Tereza

O bloco do Torresmo também é uma atração da segunda-feira. Saiu da rua Silva Jardim em direção à rua Sapucai ao som de hits de Carnaval, como os clássicos do axe. Torresmo quase roubou a cena no Concurso de Marchinhas Mestre Jonas, ficando em segundo lugar no certame.

Confira um pouco da festa do bloco Corte Devassa:



Leia mais: 
Quase 35 mil pessoas assistem a casamento gay em bloco de Carnaval de BH
Havayanas Usadas leva foliões para viagem intergalática, acompanhe os vídeos