Uma festa em Itajubá, no Sul de Minas Gerais, terminou em confusão na madrugada deste sábado (13). A Polícia Militar foi acionada por uma testemunha anônima, que denunciou um estupro coletivo em um lote vago. 

Quando a PM chegou ao local, encontrou uma mulher de 21 anos, dois homens e um menor de idade. Os quatro foram levados para delegacia e contaram que tinham saído da festa para passear. Os três negaram o estupro e a mulher não quis abrir queixa contra o trio.

Segundo o boletim de ocorrência, um dos homens era ex-namorado da jovem e o outro era primo dela.   

A Polícia Civil informou que não pode abrir inquérito, porque não houve denúncia. 

Leia mais:
Homem é preso após assalto e estupro em Buritizeiro
Instituto lança ferramenta de consulta sobre crimes contra grupos vulneráveis