Morreu na tarde desta sexta-feira (29), no hospital Odilon Behrens, região Noroeste da capital, o empresário Adair Martins de Souza Rezende, 58 anos, presidente e proprietário da Santa Cruz Acabamentos. Segundo informações do Boletim de Ocorrência registrado pela Polícia Militar, o empresário teria atentado contra a própria vida. A investigação segue sob responsabilidade da 4ª Delegacia de Polícia Civil em Belo Horizonte. 

Ele  foi encontrado por um agente da Guarda Municipal (GCMBH), baleado dentro de um carro BMW na manhã desta sexta-feira (29), na rua Bonfim, na altura do número 14, no bairro Bonfim.

De acordo com informações da assessoria de comunicação da Guarda Municipal, o agente pensou que o homem no carro estava morto e acionou a Polícia Militar (PM) para registrar a ocorrência. Ao chegar ao local, a PM constatou que Adair ainda tinha sinais vitais e solicitou o socorro do Samu, que levou o ferido, em estado grave, para o hospital Odilon Behrens.

Segundo informações da Polícia Militar, o empresário foi encontrado com um revólver calibre 38 na mão, com o dedo no gatilho. O interior do veículo estava cheio de sangue e com três buracos de tiros no teto. Dois cartuchos intactos da arma foram encontrados no assoalho do carro. A perícia da Polícia Civil foi acionada para analisar o veículo e o local onde foi encontrado.

Ainda de acordo com a PM, durante o momento da análise, a perícia identificou a trajetória da bala, que perfurou o teto da BMW de dentro para fora, indicando que os disparos foram feitos pelo próprio empresário contra si mesmo.

A assessoria de imprensa do hospital Odilon Behrens informou que o óbito ocorreu às 15h30. Segundo a assessoria, o empresário chegou ao hospital às 9h29 e, apesar dos esforços da equipe médica, o paciente não resistiu ao ferimento e morreu.

A Polícia Civil (PC) informou através da assessoria de imprensa que foi instaurado inquerito e que as investigações estão em andamento sob responsabilidade da 4ª Delegacia de Polícia Civil da capital. De acordo com a PC, o laudo conclusivo da perícia realizada no local estará pronto em 30 dias.

O corpo foi encaminhado para Instituto Médio Legal (IML) de Belo Horizonte.

O Hoje em dia entrou em contato com a Santa Cruz Acabamentos para obter um pronunciamento, da administração da loja ou da família de Adair Rezende, sobre o caso. Mas, uma das atendentes da empresa informou que não havia ninguém no momento que pudesse falar sobre assunto, e salientou que nenhum comunicado, da administração da loja ou da família do empresário falecido, foi entregue para ser divulgado à imprensa e clientes.

Leia mais:

Empresário é encontrado baleado dentro de carro de luxo no bairro Bonfim

Suspeito de matar policial a facadas é preso em Matagal

Homem em fuga da polícia realiza manobra impressionante em BH; veja vídeo