Quem chegou à Estação Diamante na manhã desta quinta-feira (17) se deparou com uma catraca diferente no acesso ao sistema BHBus. Três catracas receberam complemento e ficaram mais altas, para impedir que pessoas possam entrar sem pagar. De acordo com a assessoria de imprensa do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Belo Horizonte (SetraBH), a mudança foi feita porque um grande número de passageiros estavam "pulando" a catraca nessa estação.

Houve quem não gostasse da novidade. A instrutora de produtividade Viviane Braga vai à Estação Diamante todos os dias e não conseguiu passar pela nova catraca. "Me senti encomodada, pois sou um pouco cheinha e não consegui passar. Só entrei porque o rapaz que trabalha na estação abriu uma passagem para mim, à direita", afirmou, lembrando que a catraca com o complemento atrapalha a entrada de pessoas com mochilas grandes.

Para a diarista Elizete Barbosa, ficou difícil passar pela nova catraca. "Achei muito estranho, não tem necessidade de fazer essa mudança", disse.  

Moradora da região onde fica a estação, Sidmar Bento compreende que a catraca dupla seja importante para a empresa por uma questão de segurança, mas a novidade prejudicou também quem paga passagem direitinho. "Prejudica quem está com sacolas, crianças e idosos. Hoje quando passei, minhas sacolas ficaram agarradas", contou. Para ela, deve haver melhorias no local mais importantes, como a colocação de uma faixa de pedestres e obras para terminar com as goteiras. 

De acordo com o SetraBH, não há previsão de aumentar as catracas das outras estações do BHBus. 

catraca estação diamante

Alguns passageiros acharam a passagem apertada