A estudante de Economia da PUC-MG Isabella Perdigão, de 22 anos, que foi morta a facadas por um vizinho, na manhã de sábado (29), no bairro Coração Eucarístico, em Belo Horizonte, foi sepultada neste domingo (30), no cemitério Parque Renascer, em Contagem. O enterro ocorreu às 13h.

Isabella foi esfaqueada por um vizinho, ex-caminhoneiro, que também agrediu o pai da vítima. Ambos foram encaminhados para a UPA Oeste, porém a jovem não resistiu aos ferimentos. O agressor também colocou fogo no apartamento da família, mas o incêndio foi contido pela Polícia Militar.

O agressor, que foi preso em flagrante, teria afirmado ser apaixonado pela vítima e ter problemas mentais. Ontem ele havia sido encaminhado para a Central de Flagramtes 4, da Polícia Civil e foi ouvido pelo delegado plantonista.

A assessoria da Polícia Civil afirma que não há nenhum registro anterior de pedido de investigação por violência do homem contra Isabella. No entanto, ainda segundo a assessoria, é possível que a polícia tenha sido chamada pela jovem em algum momento, mas o pedido para continuidade das investigações não tenha sido feito.

O caso será conduzido pela Delegacia de Homicídios, a partir da próxima terça-feira - já que amanhã é feriado.

LEIA MAIS:

Homem mata vizinha a facadas no Coração Eucarístico