Minas Gerais tem mais uma morte por febre amarela. A última ocorreu na cidade de Malacacheta, no Vale do Mucuri. Este ano já foram confirmados 110 óbitos, sendo que 81 ainda estão sob investigação. Os dados são do boletim divulgado nesta terça-feira (14) pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG).

As pessoas que contraíram a doença e tiveram o diagnóstico confirmado por exames laboratoriais também cresceu. Comparando com o último levantamento, foram comprovados mais 12 casos. No total, Minas Gerais registrou 1090 notificações da doença, com 57 casos descartados e 310 confirmados.

Vacinação

De acordo com a SES-MG, foram aplicadas até o momento 1.516.932 doses de vacina da febre amarela por Unidade Regional de Saúde prioritária. Já as doses distribuídas por área com recomendação de vacinação de rotina e regiões com estratégias focalizadas, chegaram a 3.076.937.

Macacos

Em relação aos macacos com suspeita de terem contraído a doença, a secretaria afirma que existem 141 municípios com rumores, 104 em investigação e 101 confirmados.

O município de Belo Horizonte, por exemplo, já conta com 16 notificações com amostras de animais enviadas para laboratório. Mas esse número pode aumentar. O representante comercial, Paulo Alfredo, informou à reportagem do Hoje em Dia que encontrou um macaco morto na tarde desta quarta-feira (14) ao lado da mata da Mannesmann, na avenida Deputado Álvaro Antônio, região do Barreiro.

A assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Saúde da capital (SMSA) não confirmou se o Centro de Controle de Zoonoses recolheu o animal. No entanto, pediu que todos que se depararem com uma situação semelhante não deixem de acionar a zoonoses através dos telefones das regionais (Centro-Sul 3277-6357 / Barreiro 3277-5917 / Nordeste 3277-6226 / Leste 3277-4313 / Norte 3277-7382 / Noroeste 3277-7648 / Pampulha 3277-7968 / Oeste 3277-7021 / Venda Nova 3277-5538).

Leia mais:
Estado do Rio investiga 1º caso suspeito de morte por febre amarela
BH estende horário de vacinação contra febre amarela nos postos extras
Rio vai vacinar toda a população contra febre amarela
Belo Horizonte terá postos extra de vacinação contra febre amarela